Sindiquímica manifesta apoio à greve dos petroleiros da Bahia

A direção do Sindiquímica Bahia expressa total solidariedade aos trabalhadores petroleiros da Refinaria Landulpho Alves e aos dirigentes do Sindipetro Bahia, que há 30 dias iniciaram um movimento paredista legítimo e amparado no direito trabalhista à greve.

Manifestamos nosso repúdio à direção da Petrobras, que vem utilizando de aparatos jurídicos e repressivos para frustrar a movimentação dos trabalhadores por seus direitos, por meio de abusos e assédios morais.

Repudiamos as tentativas de punições aos sindicalistas, a exemplo da suspensão aplicada ao coordenador-geral da FUP (Federação Única dos Petroleiros), Deyvid Bacelar, como forma de intimidar os trabalhadores a não se mobilizarem.

Reafirmamos nosso apoio os nossos companheiros e companheiras da Petrobras, contra as ameaças à democracia e à tentativa de sucateamento e privatização da empresa, que tão relevantes serviços presta à nação.

Pelos Direitos Trabalhistas. Pela Luta Sindical. Pela Petrobras Pública. Pela Democracia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *