2020 foi um ano desafiador para o mundo

No Brasil, os desafios foram ainda maiores por conta de um governo genocida, que não prioriza nem as vidas, nem a economia. O país possui um presidente irresponsável, que não apresenta politicas para enfrentar os graves problemas do ano: a pandemia, as altas taxas de desemprego e o aumento da pobreza.

A classe trabalhadora foi a mais penalizada por esse desgoverno, mas também foi a que mais resistiu. A nossa categoria, de químicos, petroquímicos, plásticos e fertilizantes demonstrou a sua força em meio ao caos de 2020. Rodadas de negociação, mobilizações nas fábricas, assembleias online, paralisações, informação, uso das redes sociais para a interação e união foram as marcas da nossa atuação em 2020. Os resultados obtidos, com a manutenção de postos e salários, ações de prevenção e assinaturas de Acordos Coletivos só foram possíveis pela participação de cada trabalhador e cada trabalhadora, a unidade dos nosso propósitos e a confiança em nossa entidade sindical.

Neste ano também ocorreu a renovação da direção do Sindiquímica com a permanência de importantes companheiros que tem se dedicado ao fortalecimento da entidade, experiencia aprovada que agora se alia aos novos membros que chegam com disposição e ideias para construímos a luta sindical.

Em 2020 lutamos juntos e celebramos juntos as conquistas, mas também choramos juntos as perdas. Entre os companheiros que partiram, está uma das mais importantes referências da luta dos trabalhadores no Brasil, o companheiro Carlos Alberto Itaparica, que deixou seu legado de companheirismo, coragem e dedicação a nossa categoria.

Em 2021, o nosso compromisso é honrar essas histórias de luta, a união da classe trabalhadora e a forca que move a luta sindical, sem abrir mão de nossos direitos e nossas conquistas. Para isso, vamos precisar de todo mundo. Desejamos um ano novo de saúde, fé e esperança para todos e todas.

São os votos da direção do Sindiquímica-Bahia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *