Acorda Salvador

Acorda Salvador

Todas as bases do Sindiquímica vão aderir ao Dia Nacional de Paralisação contra as anti-reformas promovidas pelo presidente golpista Michel Temer (PMDB) e que está sendo convocado pela CUT para sexta-feira (10). O protesto acontece um dia antes de entrar em vigor a reforma trabalhista, no dia 11, que acaba com a carteira assinada, férias e oficializa o bico.  As mudanças vão precarizar as relações trabalhistas, aumentar a jornada de trabalho, diminuir salários, férias e intervalo de almoço, além da retirada de inúmeros outros direitos conquistados pela classe trabalhadora ao longo dos anos, tudo isso para encher ainda mais o bolso dos patrões. Para combater tanto retrocesso, os trabalhadores vão às ruas.

Durante as manifestações, o Sindiquímica vai continuar com a coleta de assinaturas para o Projeto de Lei de Iniciativa Popular (PLIP) pela revogação da reforma trabalhista.

O movimento é nacional e acontecerá em todas as regiões do Brasil. Nas bases do sindicato, o protesto começará às 5h com paralisações nas fábricas. Logo depois às 11h, em Salvador, uma caminhada saíra do Campo Grande à Praça Municipal. O Sindiquímica vai participar ativamente do movimento e convoca suas bases para irem às ruas se manifestar contra as reformas do governo golpista que agora ameaça aprovar a Reforma da Previdência. Todos às ruas!

e-max.it: your social media marketing partner